Prosseguindo na temporada dos “estudos” II

Ainda na Folha, um troço de primeira página chamado Radar da Violência – Os crimes em São Paulo, com dados de 2010, o que dá a impressão que São Paulo é a encarnação de Salvador em chamas.

Você entra lá e vê. Testa por distrito.

Daí faz uma opção de pesquisa bem trash: Capela do Socorro, homicídio culposo:

Anúncios

9 opiniões sobre “Prosseguindo na temporada dos “estudos” II”

  1. Leticia, em no OK Curral?
    O negócio é começar a tirar um pelo dos caras:

    Wyatt Earp
    “Wyatt Berry Stapp Earp (19 de Março de 1848 – 13 de Janeiro de 1929), nascido em Monmouth, Illinois, ocupou vários postos policiais no oeste Americano. Foi um dos protagonistas do Tiroteio em O.K. Corral em Tombstone, Arizona, junto com Doc Holliday, Virgil Earp, e Morgan Earp” (Wiki).

    Lampião
    Uma das versões a respeito de seu apelido é que ele modificou um fuzil, possibilitando-o a atirar mais rápido, sendo que o cano aquecia tanto que brilhava dando a aparência de um lampião.[carece de fontes]. (Wiki)

    Os planos infalíveis do Cebolinha:
    Plano Hipnótico: Cebolinha lê um livro sobre hipnotismo e convida o Cascão para participar de um novo plano usando esse truque. Cebolinha consegue hipnotizar Mônica e os dois garotos se aproveitam do hipnotismo e fazem da Mônica uma “escrava”, até que Titi e Xaveco chegam e também são hipnotizados, mas, sem querer, Cebolinha acaba estalando os dedos (que o único jeito de tirar as pessoas do transe) e ele e o Cascão acabam apanhando.(Wiki)
    …hehehehe…

  2. Luiz Schuwinski,
    É isso ai. O negócio é dar uma zoada nos caras…
    Está provada da falência deles em tudo. Os planos do Cebolinha e sua turma, liquidam com eles!!!
    Se eles questionarem, ainda tem o Gasparzinho, o Brasinha e o Nicolau Praxedes.
    Se tudo falhar, ainda tem a oração do Padre Vitor Coelho de Almeida, da Rádio Aparecida, de Aparecida do Norte, que a minha Progenitora bacana ouvia todos os dias.
    E eles não têm isso e o tucum deve ser preservado.

  3. Precisa esfregar a verdade na cara desses mentirosos contumazes.
    São Paulo é a capital do país em que menos se mata; em 22, há mais homicídios do que no Rio
    O que se afirmou abaixo sobre os estados vale também para as capitais. Mas, nesse caso, talvez o leitor fique ainda mais surpreso. Diga depressa qual é capital do país em que há menos homicídios, segundo o Mapa da Violência. Errou quem NÃO respondeu São Paulo. Sim, entre as 27 capitais, é onde menos se mata. E o Rio? Pois é… O Rio está em 23º lugar. Em 22 capitais, mata-se mais. Na quase nunca citada Curitiba, o índice de homicídios (55,9 por 100 mil habitantes) é 130% maior do que no Rio (24,3). Em Belo Horizonte, 17ª no ranking, com 34,9 mortos por 100 mil, mata-se 168% mais do que em São Paulo (13 por 100 mil). O que dizer de Maceió, com 109,9 por 100 mil, ou de João Pessoa, com 80,3 por 100 mil? É uma quase guerra civil.
    http://veja.abril.com.br/blog/reinaldo/geral/sao-paulo-e-a-capital-do-pais-em-que-menos-se-mata-em-22-ha-mais-homicidios-do-que-no-rio/

  4. Hoje eu soube que existe um grupo de xóvens cariocas que estão em greve de fome lá na Cinelandia protestando contra o “massacre de Pinheirinho”. Eu perguntei se eles já haviam visitado a região serrana recentemente e feito algo por aquele povo. Ficaram bravos, me chamaram de paulistas quatrocentona, como se isso fosse um palavrão. Bobos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s