Batismo de advento

Pra mim é assim: cada tipo de música tem seu cantinho no panteão da estética. Música clássica deve ser executada como música clássica, cordel como cordel, rock é rock, fado é fado. Não curto releituras interculturais. Os três tenores cantando Granada ainda vai, mas Andre Rieu executando Aquarela do Brasil  ou (vai quê?) Andrea Bocelli cantando “Ai, assim você me mata” é um pouco demais.

Não sei se já comentei com vocês mas, para mim, se deprê de Natal há,  é consubstanciada nas músicas natalinas em arranjo de samba, naquele solinho de bandolim.

Não falha: essa trilha sonora dos infernos, da pobreza, da falta de semancol estético, do calor e da loja cheia de gente ensuarada (inclusive eu) invariavelmente vai te pegar.

Pois bem: meu batismo anual foi esta semana. Mamãe cismou de comprar xícaras de café (porque as dela estavam um furdunço. Eu acho charmoso misturar. Minha mãe, não. Ela foi criada nas melhores normas do Império Austro-Húngaro carioca.)

Também é de questionar POR QUE???? resolver um problema dessa magnitude justo na semana do Natal. Não sei. E minha ignorância das coisas da vida se amplia pelo detalhe de que fui eu que sugeri semanas atrás. Enfim…

Piorou porque uma das xícaras estava com defeito. E no Império Austro-Húngaro isso é inadmissível. Tínhamos de voltar lá mesmo, então já de manhã me preparava para encarar a musiquinha.

A moça da loja trocou com toda boa vontade, e tal. No final, desejei-lhe bom Natal e sanidade para aguentar aquilo nos ouvidos o dia inteiro. Ela não respondeu propriamente, mas me olhou com aquela cara de povo, do povo-indivíduo, do povo-com-opinião, do povo com sapiência suficiente pra não dar tanta bola, como se aquilo fosse um detalhe. A musiquinha faz parte das agrura da vida e ponto.

Saímos de lá, estava tocando Jesus, Alegria dos Homens no sambinha…

Então, para antídoto, e para os votos do melhor Natal a todos,  lá vai, como determinou o grande Bach. A letra em português é a que aprendi; para acompanhar é só ir com calma, curtir o instrumental, seguir as entradas do coral alemão e economizar as sílabas para encaixar tudo certinho:

É Jesus minha alegria
meu prazer, consolo e paz
Ele as dores alivia
e minh’alma satisfaz

É Jesus meu sol fulgente,
meu tesouro permanente
Eu por’isso O seguirei
e jamais O deixarei

 

 

Anúncios

9 opiniões sobre “Batismo de advento”

  1. Na rua principal aqui de Rio Branco do Sul está assim:

    TODAS as lojas colocaram caixas de som para a rua. Umas tocam o dimdimdom de Natal, outras tocam o ameba mór da nação, Michel Teló, outras, ainda, usam um pateta qualquer fazendo ofertas… e o povo mais feliz que pinto no lixo, se enchendo de dívidas que sabe que não pode pagar sem ao menos uns bons 6 meses no SPC antes.

    Fiz quase todas as compras de Natal em novembro… senão tinha um piripaque!

    E para não dizer que não peguei filas de pessoas suarentas, mamãe me fez uma encomenda (sempre que ela precisa de algo constrangedor, ela escolhe este filhinho aqui) e terei que pagar os pecados nesta tarde…

    …mesmo assim, Feliz Natal para todo mundo!

    Mas não vou ouvir música natalina tocada com bandolim e em ritmo de samba… prefiro interpretação clássica de Adeste Fideles.

  2. Ahhh Let’s, pior é ficar em pé na areia da praia por duas horas para assistir a magnífica OSESP e ao final ser brindado com a mais rastquera demonstração que cultura no Brasil é mesmo o futebol.
    Após assistirmos a peças magníficas onde o conhecido Bolero de Ravel foi aplaudido de pé pelo público, o maestro francês tem um ataque de pieguismo e tasca em cima da patuléia um arranjo do hino do santos futebol clube.
    Nada mais decepcionante para alguém que curte música clássica e detesta futebol. Mas, enfim…o povaréu mambembe adogôu!!!
    Fazer o que né?

    FELIZ NATAL E MUITA SAÚDE A TODOS

  3. Fernando:
    Osesp tocando “Santos! Santos! Goooool!” ???
    Eu já ouvi a Sinfônica de Campinas tocando o hino do Palestra, mas …
    Concordo com a Letícia: cada macaco no seu galho. Ouvir música de Natal no estilo pagode, é de lascar coquinho!

    E Adeste Fideles é uma das coisas mais lindas do Natal. É tocar na missa de Natal e esta velhinha aqui abre o berreiro.

  4. Há muito que eu me dou o presente de fazer as compras de Natal em shopping center, sempre no começo de Dezembro e sempre que possível as segundas de manhã para evitar este tipo de coisa, é mais caro, mas vale o sacrifício e você fica anos luz do funk natalino
    Leticia, amigos um Feliz Natal, com muita Luz Paz e Saúde!

  5. Ai, Fernando! Taí outra coisa que não dá: releitura de hinos. Ou e leva a sério ou não. No máximo, cantar à capela (com respeito e prontidão, e não à base de lexotan).

    Maria Edi, são tantos hinos de Natal bonitos… Ano que vem quero um coral de volta…

    Cético, não sei o pior: o furdunço da rua ou o do shopping. Mas sob o aspecto da musiqueta…

    Dawran, Foralula e todos, GRANDE abraço de Natal!

  6. Eu ainda vou me vingar, assim que sair os enredos das escolas de samba vou gravar em ritmo de ópera e sair fazendo compras de hoooooras nas lojas e ouvindo naqueles fones que os “Néns” usam. Ah, se vou.

    Feliz Natal atrasado!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s